INSTITUTO ALDEIA DA SERRA

ECOS DA SERRA

Eventos de Lançamento

“1° Evento. Projeto Ecoando ao Som da Serra”

Há mais ou menos dois anos a comunidade que reside em Aldeia da Serra, com seus condomínios e o seu entorno (Cururuquara, Sítio do Morro, Jd Maravilha, Ingaí, Santa Helena) ouve um som diferente emitido por um grupo de pessoas “sonhadoras” e corajosas: está-se fundando uma ONG para promover a ação social.

Mais proximamente, há cerca de um mês e meio, este sonho começa a ser concretizado: o Instituto foi reconhecido juridicamente. Ele tem o seu CNPJ, pode agir e interagir, de direito e de fato,  com a sociedade civil e política.

Está na hora do Instituto mostrar a sua “face” e dizer para quê veio. Ações públicas, para diversos públicos-alvos, estão sendo programadas para o mês de agosto. Três grandes eventos caracterizarão esse lançamento: 1°- Ecoando ao som da Serra; 2º - Pizza com Palavras; 3° - Jantar com Ecos.

O primeiro evento é o Projeto Ecoando ao Som da Serra. Destinado ao público em geral: as crianças, os jovens, os adultos e idosos. Está-se promovendo uma tarde que vai fazer do dia 1º de agosto de 2009 uma data inesquecível na  memória das comunidades aldeenses.

I. Projeto Ecoando ao Som da Serra

1. Introdução

                 Eco é a repetição de um som (música, palavras, rumores) devido à reflexão das ondas sonoras.

                 O Projeto “Ecoando ao Som da Serra” quer fazer-se ouvir utilizando as várias formas de fazer eco, visando mostrar a presença de uma realidade nova em Aldeia e arredores: o Instituto Aldeia da Serra.

2. Coordenadores do Projeto

                 Bertini, William e Ivan.

3. Objetivo

                 Dar visibilidade ao Instituto diante da sociedade de Aldeia da Serra e entorno

4. Justificativa

                 A utilização do som, vizibilizado pela Concha Acústica construída ao ar livre, quer simbolizar graficamente o Instituto. Uma entidade que veio para “fazer rumor”, para “fazer barulho”, mostrando a todos, num ambiente aberto, alto, à luz do dia e sem cobrança de ingressos, que o bem que almejamos (educação, saúde, bem-estar físico e moral) é um direito de todos e deve ser usufruído por todos.

5. Resultados esperados

                 1° - o conhecimento e o reconhecimento empáticos do Instituto;

                 2° - momentos de descontração, alegria e lazer, fundamentais para uma vida de qualidade;

                 3° - a disposição para colaborar concretamente e de modo pessoal (engajando-se nas atividades propostas pelo Instituto) e material (disponibilidade financeira para dar com alegria o pouco ou o muito que se tem);

6. Estudo preliminar

1º - Descrição do que se vai fazer

                 Ecoando ao Som da Serra vai ser uma tarde artístico-musical no ambiente da Concha acústica do Centro Comercial dos Lagos. Bandas locais, poesias, contadores de histórias, jograis, encenações serão apresentadas gratuitamente. A gratuidade será a marca registrada da tarde do dia 1º de agosto, das 14:00 às 17:00.

2º - Custos

                 Certamente haverá custos, mas tudo se fará para reduzi-los ao mínimo suportável para um Instituto que dá os seus primeiros passos. Supomos que os custos sejam com energia elétrica (utilizada pelos aparelhos de som), água (para beber, para as toaletes) e limpeza dos ambientes. Ademais, um pouco se poderá gastar com brindes para os participantes... Esta é uma ação granjeia a empatia. É verdade que tais brindes podem ser conseguidos em cortesia com o comércio local, desde que se utilize uma tática empática de abordagem...

3º - Responsabilidade

                 A responsabilidade direta será de alguém da diretoria. Para esse primeiro projeto propõe-se a pessoa da 2ª secretária Daniela Pelloso, dada a sua formação e prática no campo de eventos. Ele poderá, e mesmo deverá, fazer-se ajudar por outras pessoas da comunidade. Sugerimos que ela entre em contato com Luciana, Elzinha, Márcia, Willian...

4° - Cronograma

                 - Data, local e hora: 1°/08/2009, na Concha Acústica dos Lagos, das 14:00 às 17:00

                 - No presente projeto as datas são “apertadas”. Há necessidade de se fazer:

                                  .. as propagandas e as faixas;

                                  .. os contatos com o local do evento, com a mídia local e com as autoridades que devem ser convidadas;

                                  .. as parcerias: bandas, músicos, som, etc.

                                  .. o programa da tarde com as responsabilidades de cada um.

 

“2° Evento. Projeto Pizza com Palavras”

                 Há mais ou menos dois anos a comunidade que reside em Aldeia da Serra, com seus condomínios e o seu entorno (Cururuquara, Sítio do Morro, Jd Maravilha, Ingaí, Santa Helena) ouve um som diferente emitido por um grupo de pessoas “sonhadoras” e corajosas: está-se fundando uma ONG para promover a ação social.

                 Mais proximamente, há cerca de um mês e meio, este sonho começa a ser concretizado: o Instituto foi reconhecido juridicamente. Ele tem o seu CNPJ, pode agir e interagir, de direito e de fato,  com a sociedade civil e política.

                 Está na hora do Instituto mostrar a sua “face” e dizer para quê veio. Ações públicas, para diversos públicos-alvos, estão sendo programadas para o mês de agosto. Três grandes eventos caracterizarão esse lançamento: 1°- Ecoando ao som da Serra; 2º - Pizza com Palavras; 3° - Jantar com Ecos.

                 O segundo evento é o Projeto Pizza com Palavras. Embora o convite seja geral, o projeto visa unir pessoas habituadas à reflexão e que gostem de pensar. Serão convidados, ainda, os apoiadores do Instituto, bem como pessoas que possam, eventualmente, tornar-se, por sua vez, apoiadoras.

II. Projeto Pizza com Palavras

1. Introdução

                 A pizza tornou-se, para a sociedade brasileira, o símbolo da reunião familiar, amical, social e descontraída. De muitos gostos e sabores, a pizza se adequa a todas as situações... Infelizmente, e não é este o sentido que queremos utilizar, pizza pode significar o final descompromissado e nocivo de alguma coisa que deveria redundar para o bem. Não iremos “terminar” em pizza e sim, começar com uma pizza!

                 O Projeto “Pizza com Palavras” quer ser um dos momentos privilegiados do lançamento do Instituto. Reunidos ao redor de uma mesa, comendo e bebendo, as pessoas que aderirem, pagando o seu ingresso, poderão alimentar-se com pensamentos e mensagens de Alexandre Henrique Santos, autor do livro “Planejamento Pessoal”, recentemente publicado pela Editora Vozes.

2. Coordenador do Projeto

                 Luciano Mendes de Aguiar e Daniela Pelloso

3. Objetivo

                 Tornar o Instituto conhecido como um espaço comunitário pela sociedade de Aldeia, de seu entorno e das pessoas que compartilham o ideal do bem.

4. Justificativa

                 Comer e beber juntos, em fraterna alegria, é assumir um compromisso com a vida. Partilhar do mesmo alimento simboliza assimilar dos mesmos ideais. O ato de mastigar significa refletir maduramente sobre um problema, um desafio que envolve e inquieta todos os participantes. A vida que brota após uma refeição em comum cria laços que serão aprofundados pela força da palavra das mensagens que serão conjuntamente lançadas. Diferentemente do alimento, que pode não ser absorvido pelo organismo de quem o consome, as palavras escutadas sempre “ecoarão” no pensamento de quem as escuta. É tão bom lembrar esse hino religioso, tão propício para o tema: Palavra não foi feita para dividir ninguém; palavra é uma ponte onde o amor vai e vem. - Palavra não foi feita para dominar, destino da palavra é dialogar. Palavra não foi feita para opressão, destino da palavra é união. - Palavra não foi feita para semear a dúvida, a tristeza e o mal-estar.  Destino da palavra é a construção de um mundo mais feliz e mais irmão”. Eis quantas idéias brotam de uma Pizza com palavras!

5. Resultados esperados

                 1° - o conhecimento e o reconhecimento empáticos do Instituto;

                 2° - momentos de descontração, alegria e lazer, fundamentais para uma vida de qualidade. Como é bom comer, beber e escutar palavras que constroem!

                 3° - a disposição para colaborar concretamente e de modo pessoal (engajando-se nas atividades propostas pelo Instituto) e material (disponibilidade financeira para dar com alegria o pouco ou o muito que se tem);

6. Estudo preliminar

1º - Descrição do que se vai fazer

                 “Pizza com palavras” vai ser um momento fraterno e amical entre os sócios, os amigos e os simpatizantes do Instituto Aldeia da Serra. A Pizzaria do Carlinhos, no Centro Comercial dos Lagos acolherá a todos para um momento inesquecível de sustento do corpo e do espírito.

2º - Custos

                 Os custos serão suportados pela venda dos ingressos. O montante recolhido destinar-se-á para fazer frente aos gastos iniciais do Instituto. Certamente o Carlinhos irá colaborar também, mas não deixará de pedir o suficiente para cobrir os custos do que vai gastar. Seria ainda de bom tom e se tornaria muito simpático aos participantes que se retirasse do montante que será recolhido um tanto para os brindes a serem sorteados entre os participantes... Esta ação granjeia a empatia. Um parte destes brindes pode ser conseguida de cortesia com o comércio local, desde que se utilize uma tática empática de abordagem...

3º - Responsabilidade

                 A responsabilidade direta será de alguém da diretoria. Este projeto estará sob a responsabilidade do vice-presidente, o sr. Luciano Mendes de Aguiar, que haverá de escolher a equipe que auxiliará.

4° - Cronograma

                 - Data, local e hora: 10/08/2009, na Pizzaria do Carlinhos, a Signora Pizza. no Comercial dos Lagos, das 20:00 às 23:00

                 - Até 01/08: contatos com o local do evento, com o palestrante, com a mídia local e com as autoridades que devem ser convidadas;

                 - De 02/08 até 10/08:

                                  .. as propagandas, as faixas e as vendas de ingressos;

                                  .. os contatos com o local do evento para possíveis comunicações,

                                  .. as parcerias: músicos e som ao vivo, etc.

                                  .. o programa da noite com as responsabilidades de cada um.

 

“3° Evento. Projeto Jantar com Ecos”

                 Há mais ou menos dois anos a comunidade que reside em Aldeia da Serra, com seus condomínios e o seu entorno (Cururuquara, Sítio do Morro, Jd Maravilha, Ingaí, Santa Helena) ouve um som diferente emitido por um grupo de pessoas “sonhadoras” e corajosas: está-se fundando uma ONG para promover a ação social.

                 Mais proximamente, há cerca de um mês e meio, este sonho começa a ser concretizado: o Instituto foi reconhecido juridicamente. Ele tem o seu CNPJ, pode agir e interagir, de direito e de fato,  com a sociedade civil e política.

                 Está na hora do Instituto mostrar a sua “face” e dizer para quê veio. Ações públicas, para diversos públicos-alvos, estão sendo programadas para o mês de agosto. Três grandes eventos caracterizarão esse lançamento: 1°- Ecoando ao som da Serra; 2º - Pizza com Palavras; 3° - Jantar com Ecos.

                 O terceiro evento é o Projeto Jantar com Ecos. Embora o convite seja geral, o projeto visa unir pessoas simpatizantes para com o Instituto e com faculdades para apoiá-lo concretamente com suas posses.

II. Projeto Jantar com Ecos

1. Introdução

                 Comer e beber juntos, em fraterna alegria, é assumir um compromisso com a vida. Partilhar do mesmo alimento simboliza assimilar dos mesmos ideais. O ato de mastigar significa refletir maduramente sobre um problema, um desafio que envolve e inquieta todos os participantes. A vida que brota após uma refeição em comum cria laços que serão aprofundados posteriormente pelos desafios sentidos por todos.          

                 Reunindo amigos, colaboradores e simpatizantes ao redor de uma mesa festiva, o Instituto provocará essas pessoas para o desafio que transformou o sonho em realidade: fazer de Aldeia da Serra e do seu entorno uma sociedade que procura a vida plena pela partilha de seus bens.

2. Coordenadora do Projeto

                 Silvia Lopes com o apoio de Luciano, Daniela e demais pessoas que formarão sua equipe.

3. Objetivo

                 Tornar o Instituto conhecido como um espaço comunitário pela sociedade de Aldeia, de seu entorno e das pessoas que compartilham o seu ideal do bem.

4. Justificativa

                 Ninguém gosta de comer sozinho. Em geral, a extra-grande maioria dos alimentos é partilha e consumação. Uma refeição festiva, com amigos compromissados, é um momento extremamente frutuoso.

                 Não queremos fazer um “jantar de serviço”, e sim um jartar de amigos que se sentem capazes e prontos para assumir uma causa comum. Os alimentos que se transformam em vida unem as pessoas e dá força para que brote a solidariedade.

5. Resultados esperados

                 1° - o conhecimento e o reconhecimento empáticos do Instituto;

                 2° - momentos de descontração, alegria e lazer, fundamentais para uma vida de qualidade. Como é bom comer, beber com amigos de bem com a vida e construtores do altruísmo!

                 3° - a disposição para colaborar concretamente e de modo pessoal (engajando-se nas atividades propostas pelo Instituto) e material (disponibilidade financeira para dar com alegria o pouco ou o muito que se tem);

6. Estudo preliminar

1º - Descrição do que se vai fazer

                 “O jantar de apoio e adesão” vai ser um momento fraterno e amical entre os sócios, os amigos e os simpatizantes do Instituto Aldeia da Serra. Nele se fará o lançamento oficial do Instituto, mediante a proposta clara e precisa: precisamos que você se transforme num sócio contribuinte!

2º - Custos

                 Os custos serão suportados pela venda dos ingressos. O montante recolhido serão destinados a fazer frente às despesas iniciais do Instituto. Embora grande parte do que se consumirá seja uma contribuição generosa do Ailton e sua fábrica de Massa, haverá gastos de vários gêneros. Ademais, seria de bom tom, e se mesmo tornaria muito simpático aos participantes, que se oferecessem brindes aos participantes... Esta é uma ação que granjeia a empatia. Um parte destes brindes pode ser conseguida de cortesia com o comércio local, desde que se utilize uma tática empática de abordagem...

3º - Responsabilidade

                 A responsabilidade direta será de Silvia Lopes. Este projeto estará sob sua responsabilidade. Ela formará sua equipe de trabalho, dada a sua grande prática nesse tipo de eventos.

4° - Cronograma

- Data, local e hora: 15/08/2009, no Clube de Aldeia da Serra, das 20:00 às 23:00

                 - Até 01/08: contatos com o local do evento, com a mídia local e com as autoridades que devem ser convidadas;

                 - De 02/08 até 15/08:

                                  .. as propagandas, as faixas e as vendas de ingressos;

                                  .. os contatos com o local do evento para possíveis comunicações e preparação;

                                  .. as parcerias: músicos e som ao vivo, serviços de garçons, etc.

                                  .. o programa da noite com as responsabilidades de cada um.

 

Eventos de Lançamento